sábado, 8 de janeiro de 2011

O Brincar na E.I.

 
 
Os educadores cariocas estão passando por um momento de tensão:
a prova do concurso do magistério!
Hoje a Tia Nescau fez um resumo que pode ajudar-nos nessa prova. Aproveitem ;D


Tópicos importantes sobre o brincar para a Educação Infantil

  • Através do brincar a criança desenvolve seu pensamento, descobre-se, vislumbra a possibilidade de criar e vivenciar novas situações - brincando ela busca interação com o mundo adulto.
  • Jogos atuais são cada vez mais específicos (trabalham apenas com certa área ou com certa conduta), limitando a representação que o brincar tem no desenvolvimento cognitivo de uma criança.
  • A brincadeira deve ser livre e prazerosa para que incorpore a criança como protagonista.
  •  O jogo como estratégia de ensino é um comprometimento integral da criança numa atividade que une interesse, prazer e conhecimento.
  • O jogo é uma característica do comportamento infantil - sempre.
  • A criança utiliza o jogo, individualmente ou em grupos, através do corpo, palavras, objetos, desenhos e gestos.
 

  • Ao brincar, a criança constrói o conhecimento de si própria, das relações humanas (socialização) e de como as coisas funcionam e se caracterizam.
  • O professor deve contribuir, enriquecendo e problematizando de maneira a solicitar da criança sua plena atuação dentro da situação - ela se tornará elemento ativo do processo ensino-aprendizagem.
  • Todo e qualquer tipo de atividade na Educação Infantil pode se desenvolver através de jogos.
  • Piaget classifica os jogos em 3 grupos: exercício, simbólico e de regras.
  • O desafio, o inesperado, a competição, as regras e o arbitrário são elementos encontrados constantemente no trabalho pedagógico, mas que também estão presentes nos jogos.


Então é isso, leitoras.
Estudem bastante pois falta apenas uma semana!
ai ai ai >__<
Beijos, Tia Nescau!



Dúvidas? Sugestões? Quer acrescentar? Deixe seu comentário! :D

Nenhum comentário:

Postar um comentário